terça-feira, 3 de junho de 2014

Dica de leitura:


 


Sou uma leitora assídua das obras riquíssimas do autor José Carlos de Lucca e ganhei este livro maravilhoso, e a cada novo capítulo me emociono e me surpreendo com a beleza e a simplicidade com que este autor utiliza as palavras para transmitir ensinamentos espirituais valiosos.
Além disso, tenho a oportunidade grandiosa de aprender muito, de estudar e me inspirar na elaboração do meu livro espírita.


Trechos marcantes do livro...

Vale a pena amar - José Carlos de Lucca


"Queremos os frutos antes que as flores desabrochem."


"Nada do que é grande surge repentinamente, nem mesmo a uva, nem os figos. Se agora me disseres: 'Quero um figo', respondo-te: 'É preciso tempo'. Antes de tudo, deixa vir as flores, depois que se desenvolvam os frutos e que amadureçam." 
Epicteto (filósofo grego)


"A corrente do amor costuma parar em nós. E se a corrente não se unir a outros elos, não haverá como ela se expandir e voltar a nós quando precisarmos de alguém que nos dê a mão. Por isso, há tantos que pedem socorro, e tão poucos os que socorrem. Vivemos num paradoxo que se esgotará em breve tempo:

Somos ajudados, mas não ajudamos.

Recebemos as luzes da intelectualidade, mas não iluminamos analfabetos e ignorantes.

Somos abençoados com a cura de uma doença grave, mas nada fazemos para curar centenas de pessoas que morrem diariamente por falta de remédio, médico e comida.

A alegria nos encoraja a existência, mas pouco ou quase nada fazemos para estancar a tristeza daqueles que só conheceram amarguras em suas vidas."


"A caridade tem esse mistério de, ao mesmo tempo que socorre a miséria alheia, diminui também a miséria espiritual de quem oferta algo a seu semelhante.Hoje tenho a certeza de que o maior beneficiado é aquele que doa."

"Somos viajores da eternidade. Nossa vida percorre muitas existências, como um aluno que para galgar o diploma teve de se submeter a vários estágios de aprendizado."
Bezerra de Menezes