sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Quando estamos Felizes, Deus está Feliz

"A calma em meio às tempestades da vida não é felicidade?"
Lyon, 1860 - O Evangelho segundo o Espiritismo

Todos nós fomos criados por Deus para sermos felizes, para a realização do nosso espírito. 
Todos nós fazemos parte do plano Divino e estamos aqui para  contribuir na evolução do Universo através de nossos talentos, com tudo o que aprendemos ao longo de nossa existência, para adquirirmos novas experiências, enfim, todos pertencemos aos planos sagrados de nosso Pai de Amor.
Deus é perfeito e, assim sendo, jamais teria criado seus filhos sem um sentido, ou seja, todos nós fazemos parte da Criação Celestial.
Como é possível que algumas pessoas não reconheçam seu valor no Universo? Se todos somos filhos de um Pai maravilhoso, todos nós temos muito valor para Deus, tanto é que estamos tendo uma grandiosa oportunidade de estarmos encarnados aqui neste plano. 
A reencarnação é uma bênção enorme que temos para reconstruir tudo da melhor maneira possível, convivendo com todas as pessoas que estão conosco nessa jornada, que nos oferecem uma grande oportunidade para a nossa evolução, podendo agora nesta vida pagar todas as dívidas pendentes, através da compreensão, da paciência e principalmente do amor.
Deus jamais cometeria um engano de nos colocar em um lugar que não fosse o melhor para nós, com as pessoas adequadas para nossa convivência, pois todos que passam por nossa vida nos deixam um ensinamento bom ou ruim, mas sempre aprendemos algo com os outros.
E eu acredito que uma das coisas mais maravilhosas da vida é saber conviver com as pessoas, saber entendê-las, saber que não existe diferença para Deus, o amor Dele é o mesmo para todos nós e Ele nos pediu através do seu maior mandamento que amássemos uns aos outros.
Amar não significa ter para com os outros o mesmo sentimento que temos com as pessoas mais especiais e importantes para nós. O amor que Deus quer que tenhamos para com todos é o amor fraternal, ou seja, a tolerância, a paciência, o respeito, a benevolência e a compreensão mútua.
Se quisermos avançar o estágio evolutivo em que estamos, precisamos seguir este mandamento tão sagrado, perdoando a falta do próximo e não fazer ao outro aquilo que nós não queremos que nos façam.
É simples... Precisamos apenas abandonar nosso orgulho, nosso egoísmo e nossa vaidade.
E os espíritos de luz nos dizem que todos nós um dia estaremos em um plano superior, todos nós estaremos com Deus, não há nenhuma pessoa no mundo que será esquecida por Ele, pois como um Pai pode abandonar um Filho Seu?
Portanto, se buscamos tanto a paz, a felicidade, a alegria de viver, vamos seguir o que Nosso Pai de Amor nos pede, pois Ele é sempre tão bondoso e generoso conosco, nós é que muitas vezes não reconhecemos isso.
Seguindo a Lei de Amor de Deus e confiando com todo nosso coração que Ele nos criou para sermos felizes, que nossa felicidade é a felicidade Dele, com certeza nada mais nos faltará!
Rosemary Elza Finatti